[ Eu ]

Eu sou um misto de insegurança e independência. Uma mistura inexplicável de desilusão e esperança. Sou um pouco de tudo e amor ao extremo. Eu choro de raiva e dou risada quando estou nervosa. Eu ouço rock quando estou sofrendo de amor e MPB quando estou feliz. Eu... eu nem sei direto quem sou, nem quem quero ser. Eu quero um pouco de rotina e um pouco de aventura. Eu sou pura confusão, eu sempre fui mais paixão. Uma coisa intensa que dura pouco, e que se lembra pra sempre. Eu que sempre quis ser amor, constante no riso, inconstante na dor. Eu que desaprendi a ser eu pra ser quem queriam que eu fosse. Até me perder nessa história toda e entender que eu sempre serei outro alguém diferente do que querem que eu seja. Eu que não sou delicada demais, nem forte demais, eu que falo alto, que brigo. Eu que cuido, que me preocupo, que ligo. Eu que sempre choro. Que me perco nas letras, nos meus acordes inventados, nos versos não rimados de um texto qualquer. Eu que sou exatamente tudo que você quer, mas não sou quem você ama. E isso não é novidade pra mim.Eu que não sou nem muito inteligente, nem muito bonita, um pouco dos dois, essa sou eu. Eu que não me destaco nem pela voz, nem pelo corpo, nem pelo olhar, nem pelo toque. Eu que não me destaco. Eu que me escondo atrás de um livro, de um violão, entre uma estante e um amplificador. Eu que já nem sei quem sou. Eu mudei de estilo, eu mudei de amor. Eu mudei o que penso, o que sinto..mas nunca mudei quem realmente sou. Eu sou um misto do melhor da vida, do mais triste, do mais alegre. Eu que prefiro as notas graves, mas me apaixono ao som de um acorde agudo. Que sou capaz de repetir exaustivamente um acorde para logo depois esquecê-lo. Eu que sou um pouco de memória eterna e esquecimento contínuo. Sou um pouco de fé e um pouco de dúvida. Que não sei dizer não, nem sei decidir. Que sou a pessoa mais indecisa e decida, ao mesmo tempo, que eu conheço. Sou um pouco de medo e outro tanto de coragem. Minha coragem vem do meu medo de nunca ser feliz. Mas e você, o que vê quando me vê? Quem eu sou para você? Eu quero tanto saber. Luana Gabriela 14/08/2009 Trilha: Little Joy

2 marginálias:

  1. Você?!
    Linda!
    Adorei o texto.
    Bjos

    ResponderExcluir
  2. É impressionante como temos coisas parecidas, como ja te passei por msn, pois é muito pessoal..rs Não sei se é exatamente pq temos "aquele amigo" em comum...mas é bom saber que não estou sozinho nesse mundo..rs

    Beijãooooooo futura editora.

    ResponderExcluir

Faltou açúcar? Quer um verso de creme?

<< >>