Canta comigo

Ele me pediu perdão. Como eu nunca achei que fosse acontecer. A pessoa mais orgulhosa que eu conheço me abriu suas fraquezas, seu orgulho ferido, me pediu perdão. Eu em prantos compreendendo a exata dimensão daquele momento: Ele se permitindo ser o que é na minha frente, o que não mostra pra mais ninguém.

Eu cheia de vergonha por ver um homem chorando, se explicando, se desculpando como nunca havia visto. Eu cheia de dedos pra falar as verdades, eu querendo abraçar e chorar com ele aquela dor de um fracasso que eu conheço bem. Eu, quieta só ouvindo. E pensando em como eu pude exigir dele algo nesse momento e quase me desculpando também.

Alguns podem pensar que agora tenho ele em minhas mãos, mas o que me agrada mesmo é saber que tenho ele em meus braços, com a cabeça sobre meu ombro, ou sobre meu colo.Ele, o homem mais orgulhoso que conheço, se permitindo ser um garoto magoado porque nunca é escolhido para compor o time de futebol na escola. O garoto que eu escolhi pra ser quem cuidaria de mim, admitindo que agora também precisa dos meus cuidados. E eu ali esquentando a água pra um chá, cobrindo os pés, pedindo a Deus por ele, enquanto ele ronca no meu sofá. Eu o beijo na testa como ele tantas vezes já fez, eu tenho medo de deixá-lo só, eu deito na sala também, eu diminuo o volume da tv, eu desligo os telefones, eu só quero que ele acorde e sinta que tudo pode ser melhor se eu estiver lá.

Eu só queria que ele soubesse que não o vejo menos homem depois disso, mas que o vejo como o homem real, que ele é. E me sinto menos fracassada, e mais possível pra ele. E volto a sonhar com nossa geladeira retro, num apartamento bem pequeno daqui ou de outra capital do Sul. O homem que vai chorar comigo. O homem que canta comigo Livin' On a prayer.


Luana Gabriela 
Março 2011

9 marginálias:

  1. O amor nos torna o que realmente somos na frente do outro. E não há coisa melhor.
    Doce e gostosas palavras, cheias de amor essas suas.
    Como sempre, adorei.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Nossa.. achei simplesmente lindo, sem mais palavras.
    O amor nos torna mais fortes, compreensivos, e frágeis.
    =D
    beijos

    ResponderExcluir
  4. E todo orgulho guardado no peito se torna oco perto da imensidão que o amor abre no peito.

    Doce. Lindo!


    beijos Lu

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Te ofereço um Meme Literário!
    Passa lá no meu cantinho para pegar!
    Beijos meus
    Um bom final de semana!

    ResponderExcluir
  6. Lu querida, esse seu texto me lembrou exatamente de tudo o que aconteceu comigo há um mês atrás...
    A pessoa mais orgulhosa, estava desabada na minha frente, derramando suas lágrimas... e eu tinha ele em meus braços.
    E foi isso que o tornou mais perfeito para mim, mais homem. Ele estava sendo ele, estava mostrando suas fraquezas e eu estava notando o quanto ele era corajoso e forte por isso.


    Amei, amei, amei *-*

    Beijócas ;*

    ResponderExcluir

Faltou açúcar? Quer um verso de creme?

<< >>