Please, don´t stop the rain (James Morrison)


Senta aqui, comigo. Olha pra mim, eu completamente de cara limpa, exatamente como aquele dia que a gente se beijou pela primeira vez. Eu estava tão de saco cheio daquele compromisso, que nem me arrumava mais. Era preguiça de tentar esconder meus defeitos. E foi quando você os viu que não resistiu. E quem sou eu para resistir a quem me quer apesar de como eu sou?

Fica aqui comigo, a tarde está pedindo por nós dois nesse sofá. E já não importa o que passa na TV, meus olhos fixos no seu, e isso é tudo. Fica aqui, lindo, em silêncio dizendo que me adora, com essa sua respiração ritmada, com essa alegria calada que me invade, me transborda. Faz com que eu não caiba mais em mim mesma, e tenha de me dividir contigo.

Olha só, o vidro da janela embaçado, a chuva lavando todo lugar. Fica aqui, a gente pega o violão, faz um café, descobre um pouco mais um do outro, e de nós dois juntos. Fala um pouco do tempo, da vida, do amor, sorri. Sorri como sempre fazemos juntos, como vai ser a vida inteira, eu em teus braços, me esquentando no teu moletom mais antigo, pra ficar com teu cheiro nos dedos, pra deixar você gravado em mim como uma tatuagem. Sorri, deixa teus olhos pequeninhos, isso sé tão lindo. Acho que foi aí que me apaixonei, no seu abraço, no seu sorriso largo com os olhos pequenos, no seu cheiro tão delicado que eu preciso ficar muito perto pra sentir. Foi por todo estes detalhes, que ninguém mais teve oportunidade de descobri.

Fica aqui, pra sempre. Assim, como estamos agora, tão entregues, inertes nessa atmosfera de carinho, amizade, alegria, me cerca de atenção, e eu vou pedir pra chuva não parar. Que já não importa o que dissemos há tanto tempo atrás, importa agora esse silêncio de cumplicidade, esse olhar castanho refletido no meu, você se vê em mim, eu em ti, meu espelho. Meu quase amor. Fica aqui, só por hoje. O amanhã também será hoje. Fica aqui, deixa-me ser seu abrigo até a chuva passar, e “Please, don´t stop de rain”, I pray, silenciosamente. 

Luana Gabriela
03/02/2011

6 marginálias:

  1. essa musica é muuuito bonita =]
    e as imagens que o texto traz sao belissimas

    ^^

    ResponderExcluir
  2. A música é muuuito linda mesmo.Amey o post. Beijos*;

    ResponderExcluir
  3. dessas que dá vontade de fazer o tempo parar...

    ResponderExcluir
  4. Moça, moça!
    Toda vez que venho aqui e leio seus textos é como se alguém me desse mais mil motivos para acreditar na doçura do amor.
    Você escreve muito bem, meus parabéns.

    ResponderExcluir

Faltou açúcar? Quer um verso de creme?

<< >>